Atividade que envolve o bem-estar do corpo e da mente pode ser encarada como uma prática esportiva 

A Yoga é um conceito que se refere às tradicionais disciplinas físicas, que vieram da Índia. A palavra está associada com as práticas meditativas e está diretamente ligada com o hataioga (prática que busca um equilibro entre o corpo e a mente) e seus asanas (posturas). Mas também pode ser relacionada a uma forma de exercício físico. “Yoga significa união. Praticar Yoga é unir mente, corpo físico e espírito”, relata, a professora de Yoga, Ana Paula Barbosa Fontoura, de 30 anos. 

A professora Ana Paula, formada em 2022, decidiu praticar a Yoga nos parques de Porto Alegre, principalmente os que são localizados na zona norte da capital gaúcha. Um dos locais é conhecido como Parque Vinte de Maio ou Praça dos Patos, que fica na rua Professor Bertrand Russel. Ao ser questionada sobre o sentimento que a levou a seguir esta profissão, ela responde: “O amor por ensinar e querer levar os benefícios que sinto com yoga aos outros”, conta Ana.   

Segundo Ana Paula, o ideal é que a Yoga seja uma prática diária. Porém também pode ser feita duas ou três vezes por semana, dependendo da rotina de cada pessoa (Vídeo: Arquivo pessoal/Ana Paula Fontoura) 

Por meio de um canal do Youtube, intitulado Pri Leite Yoga, a estudante de Nutrição da PUCRS , Vanessa Zambonato, pratica a Yoga há três anos. A futura nutricionista explica o que a Yoga significa em sua vida: “Uma atividade física que contempla o autocontrole da respiração junto com o movimento. Enfatiza muito a prática de exercitar o foco, concentração, energia e pensamentos no presente”, afirmou. Nesse contexto de cuidado corporal, a jovem também faz crossfit três vezes por semana. Ao ser perguntada sobre a Yoga e de que modo essa prática auxilia nas atividades esportivas, ela explica: “Ajuda principalmente na parte de concentração na hora do exercício, no controle da respiração e aumento da resistência cardíaca em momentos mais intensos”.  

Vanessa começa o aquecimento pela manhã, realizando as posturas da Yoga. Para ela, essa prática traz boas energias para o seu dia (Vídeo: Arquivo pessoal/Vanessa Zambonato)

Autoconhecimento Corporal  

Para o educador físico, Renan de Freitas Dias, de 33 anos, a Yoga é uma prática que ajuda a entender os limites e as potencialidades do ser humano. Para ele, é uma forma muito peculiar de trabalhar o autoconhecimento corporal e mental. “A Yoga é praticada para além dos fins estéticos. Tem finalidade de desenvolvimento de mobilidade, capacidade de foco e de relaxamento”, explica.  

Renan elucida ainda, como nos dias de hoje tem-se cada vez mais uma precaução no esporte quando há ocorrência de dores, desconfortos e lesões. “Nesse ponto há uma ligação entre a Yoga e o esporte, já que essa prática é voltada à organização biomecânica e da mobilidade articular, gerando condições físicas melhores e minimizando incidência de dores ou lesões”, conta o educador físico. 

Assim como Renan, que enxerga que os benefícios da Yoga têm uma ligação com o esporte, a instrutora Karoline Martins da Silva, de 30 anos, também percebe essa conexão. “A ligação da Yoga com o esporte é essa movimentação física para realizar as posturas. Se fizermos as posturas sem concentração, intenção de desvendar o corpo e os seus limites, sem buscar o benefício energético que a postura traz, vira apenas um exercício”, explicou.  

De acordo com Karoline todas as pessoas podem praticar Yoga. “Existem inúmeros tipos de Yoga e adaptações que podem ser ensinadas dependendo do objetivo e condição física da pessoa”, explica (Foto: Fernando Goulart)

A prática de Yoga e de uma atividade física podem ter uma influência na saúde mental do ser humano.  O professor Renan traz a questão de como a atividade física, seja através do esporte, propicia a liberação do hormônio endorfina, responsável por dar uma sensação de prazer. Esse hormônio tem a função de aliviar a dor, reduzir o estresse, promover a sensação de bem-estar. “Com a prática regular, além de melhorar o condicionamento físico, o esporte também pode melhorar a capacidade cognitiva, bem como reduzir os níveis de ansiedade e estresse”, destacou Renan. Nesse mesmo sentido, Karoline Martins pontua os benefícios da Yoga para as questões psicológicas do indivíduo: “Nos níveis mentais, ajuda na concentração, equilíbrio, traz serenidade, reduzindo o estresse. Traz discernimento e paz mental. Para nossa essência, traz um senso de propósito e confiança na vida”.  

Autoconhecimento mental e emocional  

A Yoga também ajuda com o bem-estar psicológico. Segundo a estudante Vanessa, seus exercícios físicos geralmente são feitos durante o período da manhã, com o objetivo de recomeçar um novo dia. Assim, suas práticas são executadas, aproximadamente, cinco vezes por semana. “Me ajuda muito na questão emocional, de perceber quando estou mais estressada/irritada e preciso tomar consciência disso, analisar o motivo e mudar”. 

Outra praticante de Yoga, Mari Critiane Nunes Telles, de 47 anos, é aluna de Ana Paula desde a primeira atividade que ela deu na praça, gratuitamente, e, hoje em dia, faz suas aulas particulares com a instrutora. Assim como Vanessa, ela começou a praticar Yoga em casa. Mari, além de praticar Yoga, também faz caminhadas de cinco quilômetros duas vezes por semana. Quando questionada sobre as semelhanças que ela enxerga entre o esporte e a Yoga, ela explica em três palavras: “Foco, disciplina e constância”.  

Antes de praticar Yoga, Mari procura ter uma alimentação leve e escuta mantras para relaxar (Foto: Ana Paula Fontoura)

A Yoga e o esporte devem ser feitos de modo que a pessoa que escolhe essas práticas tenha prazer em fazer esses exercícios. “Para praticar atividade física, é necessário primeiramente encontrar um exercício que lhe dê prazer, para que assim consiga manter uma rotina de treinos. O exercício físico não deve ser praticado apenas por necessidade, como doença ou aumento de peso. Deve ser praticado principalmente para prevenir problemas de saúde e para manter a boa forma física e mental”, esclareceu Renan de Freitas. 

Nesse mesmo ângulo, Vanessa define a importância da Yoga para sua vida: “Com certeza é algo que me deixa centrada, focada e sempre dá um propósito para tudo. Ajuda a me acalmar e possibilita ter uma sensação de movimentar meu corpo de forma leve, porém intensa ao mesmo tempo, é algo muito gratificante e gostoso de sentir – mesmo para dias exaustivos”.  

Vanessa mesmo quando faz suas viagens, segue a sua rotina de praticar Yoga (Foto: Arquivo pessoal/Vanessa Zambonato)