Geral

Vai fazer o Enem?

Uma ação invadiu as redes sociais para ajudar candidatos

Uma corrente do bem está rolando nos sites de redes sociais para ajudar pessoas que irão fazer o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). As dicas são oferecidas gratuitamente por profissionais e estudantes de diferentes áreas, contemplando desde conteúdo de exatas até redação. A ação está fazendo sucesso com quem vai prestar o exame, entretanto, os maiores engajados parecem ser as pessoas que estão se disponibilizando a ajudar.

A publicação da corrente leva a seguinte mensagem:

print-facebook

Profissionais e estudantes de diversas áreas estão oferecendo seus conhecimentos para auxiliar candidatos ao Enem. Fonte: Facebook

Estas publicações são enviadas por diversas pessoas com diferentes níveis de formação. Um exemplo é a doutoranda em História, Liane Susan Muller, que ofereceu ajuda em geografia, sociologia, história e filosofia. No entanto, apenas uma ex-aluna solicitou ajuda. “É uma pena, mas penso que reflete o momento da geração estudantil atual”, lamenta a doutoranda. Segundo a profissional, sua adesão é uma forma de colocar-se contra todas as medidas governamentais que buscam elitizar, ainda mais, o acesso à faculdade. Ela ainda afirma estar disposta a participar de outras campanhas que surgirem.

mafalda4

Exemplo de tirinha, costumeiramente utilizada nas provas. Fonte: Quino. Toda Mafalda. 1991.


A estudante de Jornalismo, Michelle Oliveira, também ofereceu assistência nas disciplinas de Português e Redação, contudo não foi procurada por ninguém. Ela acha importante este tipo de movimento nas redes sociais, pois alcança um grande número de candidatos. “Acho que esse tipo de auxílio é bem relevante, pois muitos tem dificuldade em estudar sozinhos e um cursinho pré-vestibular não está ao alcance de todos”, avalia.

Apesar de ser muito comentada, a redação não é o único fator de preocupaçoa para quem irá fazer o exame. Matemática, química e física também estão nas listas das disciplinas mais temidas, e, por conta disso, ganharam bastante espaço na corrente. O Bacharel em Química Gabriel Peixoto, considera a iniciativa importante e ofereceu ajuda com seus conhecimentos em química, no Facebook. “Contribuir com o esclarecimento das dúvidas de uma pessoa ameniza o nervosismo, abre o campo de visão sobre o assunto e incentiva”, explica.

Mesmo que a ação aparente ter tomado uma proporção significativa, muitos jovens ainda desconhecem o movimento. Jean Alves fará o Enem pela terceira vez, e desconhecia a iniciativa. “Não sabia da corrente mas acho ótimo, porque dividir com os outros o que sabemos por um objetivo em comum é um ato solidário”, disse. Jean estuda no período da noite, em casa, e vem focando mais na redação e no que tem mais dificuldade, como física e química.

Já a aluna do ensino médio, Larissa Cunha disse afirma ter ciência da corrente, mas já vinha se preparando em sua escola desde o início do ano, com intensivos oferecidos gratuitamente para os alunos. “Minha intenção é fazer enfermagem, agora na reta final estou revisando as matérias”, declara.

mafalda

Com o propósito de conseguir uma bolsa de estudos para Letras, o concorrente Gabriel Machado ficou sabendo da corrente pela sua irmã. Ao fazer uma pesquisa no Facebook obteve dicas em diversas disciplinas. “Algumas pessoas eu nem conhecia, outras haviam sido meus professores. Fui indo por indicação de amigos em comum, não tenho condição de pagar um pré-vestibular e terminei o ensino médio há um ano”, disse. O rapaz sente-se preparado, mas acha que isso depende muito do esforço de quem vai prestar o exame, pois, segundo ele, a escola pública só ensina o básico e o Enem “não pede só isso”.

O intuito desta ação é ajudar ao próximo e, principalmente, fazer que a prova não vire um monstro para os candidatos. A Psicóloga e Analista Comportamental, Ana Helena de Ávila diz que os dias que antecedem o Enem são marcados por um misto de sentimentos, onde a ansiedade está em destaque. Segundo ela, o candidato deve ter presente em seus pensamentos toda a dedicação e esforço realizados durante o período de estudo e também precisa entender que esta é uma etapa de sua vida, e não o encerramento de uma fase.  A ajuda sempre é bem vinda, seja ela na parte dos estudos ou com questões psicológicas, já que os sentimentos se afloram nas últimas semanas. “Muitos procuram o auxílio de profissionais de coaching e psicologia que durante os meses anteriores as provas terão auxiliado o jovem na organização e planejamento de uma rotina de estudos com foco, proporcionando também um controle emocional adequado”, afirma a especialista.

Convidada para entrar na Corrente do Bem, a Psicóloga Ana Helena preparou algumas dicas para quem irá fazer o exame. Confira:

Na véspera das provas a palavra chave é CALMA, mas como manter a calma neste momento de grande ansiedade?

O candidato deve organizar todo o material que irá utilizar, deixando separado roupas, canetas, documento, lanche;

Deve certificar – se que conhece o local da prova fazendo a logística para chegar ao local, distância,  tempo, levando em conta possíveis imprevistos e congestionamentos;

Realizar uma atividade calma e prazerosa,  como por exemplo ver um bom filme;

Evitar alimentação e bebidas energéticas e estimulantes;

Ter uma boa noite de sono evitando pensamentos negativos.

Para o dia da prova o candidato deve acordar com tempo para tomar um bom café da manhã e realizar algumas técnicas de respiração e relaxamento.

Na hora da prova deve se concentrar em bons pensamentos e ter a clareza que todo o seu empenho lhe trarão bons resultados. Iniciar sempre por matérias que tenha mais domínio e facilidade. E se caso o temido “BRANCO” surgir utilizar um exército cerebral bem efetivo que consiste em parar a resolução das questões,  fechar os olhos e visualizar o seu local de estudo associando os itens existentes neste espaço em ordem alfabética  (exemplo Letra A: abajur, armário,  Letra B bicama…) percorrendo todo o alfabeto. Este exercício levará uns 5 minutos, que não serão perdidos, pois proporcionará que o cérebro saia da situação de estresse e possibilitará a organização dos pensamentos para dar continuidade a prova.

É  importante que o candidato tenha em mente que determinação e confiança em si mesmo são o sucesso para o seu futuro.

Boa prova!!!

Tutorial para não vacilar no Enem

O Enem ocorre nos dias 5 e 6 de novembro. Para te ajudar  a  Beta Redação também entrou nessa corrente do bem e preparou um tutorial para você ficar por dentro do que fazer antes e  no dia da prova.

 

enem-1

21

3

41

5

6

7

Lida 1498 vezes

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Por favor resolva a equação * Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.