Economia

Região Sul é a maior consumidora de produtos orgânicos

Segundo pesquisa da Organis, o número de feiras orgânicas vem crescendo 20% ao ano

Em Porto Alegre existem oito feiras que oferecem produtos orgânicos. Foto: Pixabay

Alimentação saudável vem sendo tema de várias rodas de conversas. Cada vez mais a população está se conscientizando em ter boas práticas alimentares. De acordo com os dados de uma pesquisa divulgada pelo Conselho Brasileiro de Produção Orgânica e Sustentável (Organis), cerca de 15% da população consumiu algum produto orgânico nos últimos dois meses. A região sul apresenta a maior procura por esses alimentos, com o índice de 34%, o que ultrapassa o dobro do consumo nacional.

O número de feiras orgânicas também está crescendo, conforme o diretor executivo da Organis. Ming Liu afirma que são 600 novas feiras orgânicas mapeadas no país a cada ano, um crescimento médio de 20%.  Ele ainda ressalta a importância da pesquisa. “Precisamos ter o perfil por região, com consumo, costumes e percepção do consumidor de orgânicos. Essa pesquisa ajudará nas estratégias comerciais dos produtores, empresas e varejistas.”

Ainda de acordo com o levantamento, os produtos orgânicos mais consumidos são verduras, legumes e frutas. Seis em cada 10 consumidores consomem verduras orgânicas. Já os legumes e as frutas são escolhas de uma em cada quatro pessoas.

Para os novos consumidores de orgânicos, a prática é relacionada a questões de saúde. Cerca de 64% das pessoas que participaram da pesquisa fizeram essa relação. A professora Carolina De Paula, de 28 anos, começou a consumir produtos orgânicos há pouco tempo. Para ela, um grande influenciador foi a mídia. “Eu assisto muitos vídeos no Youtube e acompanho alguns canais que produzem conteúdo sobre alimentação saudável. Então, comecei a pesquisar mais sobre o assunto e vi que isso afeta muito a minha saúde”, comenta. Ela conta que ainda está em fase de adaptações, e por isso nem todos os alimentos que ela consome são orgânicos. “Por eu estar começando a consumir esses produtos, ainda não sei direito onde posso encontrar os melhores orgânicos e com preços acessíveis, então às vezes, com a correria das aulas, acabo parando no primeiro mercado que aparece no caminho e compro as coisas ali mesmo”, finaliza.

Em Porto Alegre são mapeadas oito feiras ecológicas com produtos orgânicos, mas também há iniciativas em lugares como shoppings e escolas. O Shopping Praia de Belas começou a realizar uma vez por semana uma feira com produtos 100% orgânicos. A ação é desenvolvida com a Cooperativa dos Trabalhadores Assentados da Região de Porto Alegre (Cootap), e todos os produtos da feira são certificados por ela.

O estudante Roberto Soares, 23 anos, que costuma fazer suas refeições diariamente no shopping e gasta de R$ 15 a R$ 20, reconhece que ter uma feira no local é uma oportunidade para aderir ao consumo de produtos orgânicos. “Almoço todos os dias no shopping e, quando fiquei sabendo da feira, pensei que é uma ótima ideia ter esse tipo de ação dentro desse lugar, onde se oferece uma quantidade de comidas não tão saudáveis”, comenta. 

Confira o mapa das feiras orgânicas em Porto Alegre:

Lida 891 vezes

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Por favor resolva a equação * Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.