Economia

Petshop: mercado prospera em meio à crise

Segmento obtém significativo crescimento com destaque no setor de alimentação animal

O Brasil possui a quarta maior população de animais de estimação do mundo, segundo a Associação Brasileira da Indústria de Produtos para Animais de Estimação (Abinpet). Apesar da crise financeira no país, o mercado pet prospera a cada dia, o que torna o empreendedorismo na área um bom investimento para quem busca lucro e independência profissional. No último ano, a indústria pet obteve um aumento de 5,7% no faturamento comparado ao ano de 2015, quando o lucro foi de cerca de 18 bilhões de reais. Porém, apesar do crescimento do setor, a indústria sofreu recessão. O crescimento de 5,7% em 2016 foi o menor dos últimos anos.

A maior área de faturamento do mercado é o PetFood, totalizando 67,6% dos gastos dos consumidores, de acordo com a Abinpet. No ano passado, foi registrada a produção de 2,59 milhões de toneladas de ração disponibilizadas para venda.

Diferente de outros segmentos, atualmente o mercado pet aquece a economia brasileira. Sempre buscando inovar, os empresários do ramo oferecem os mais diversos serviços, além de banho e tosa. Na hora de devolver o pet ao dono, a aposta é decorações e detalhes que deixam o bichinho ainda mais charmoso. Estratégias de vendas como oferecer produtos diversificados aos animais de estimação alavancam os negócios e despertam o interesse dos clientes.

De acordo com Regis Nunes, médico veterinário e responsável pela Clínica Salvar, os investimentos no mercado pet aumentam graças à dedicação voltada exclusivamente para os animais. O veterinário explica que, hoje em dia, muitas pessoas optam por não ter filhos e, na maioria das vezes, acabam adotando animais e investindo nos cuidados básicos, como alimentação e higiene.

Uma oportunidade de empreender

Quem tem um pet fiel sabe como é doloroso quando torna-se necessário viajar a trabalho ou até mesmo a lazer, sem poder levá-lo. A situação é complicada, mas real já que muitos hotéis não permitem a entrada de animais. Pensando nisso, hoje existem diversas opções para deixar os pets bem cuidados e com segurança.

Um exemplo de empreendedorismo no ramo é a PetCreche, localizada no bairro Higienópolis, em Porto Alegre. O espaço disponibiliza atividades de integração entre os animais, visando a atividade física, a disciplina e o afeto. Além de atuar como um hotel para cães, a PetCreche oferece daycare, ou seja, os clientes podem deixar seus pets no início do dia e busca-los à tardinha. Os bichinhos têm a supervisão de profissionais treinados em tempo integral e os donos podem visualizar todos os momentos dos cãezinhos pela PetCam, câmeras com transmissão ao vivo que funcionam de segunda a sexta-feira, das 10h às 18h.

Rafaela Graziottin, empresária responsável pela Pet Creche, conta que o serviço tem uma boa aceitação e que obtiveram estabilidade financeira entre 2016 e 2017. “A Pet Creche foi a junção da vontade de empreender com a percepção da necessidade do mercado por este nicho. É um mercado a ser explorado, mas é necessário ter um diferencial e ser excelente naquilo que quer oferecer”, sugere a empresária.

 

Foto: Divulgação PetCreche

                        A Pet Creche apresenta novidades ao mundo dos pets. Foto: Rafaela Graziottin

 

Lida 831 vezes

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Por favor resolva a equação * Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.