Política

OPINIÃO: Pense, escolha e vote!

No dia 2 de outubro exerça o seu direito de cidadão

Alguns ditados populares nós aprendemos desde cedo. E um dos mais famosos é o “futebol, política e religião não se discute”. Digamos que eu tenha concordado com esse ditado até pouco tempo atrás. Talvez por nunca querer me meter em discussões que, na minha visão, não levariam a lugar algum, ou por ser, por muito tempo, um analfabeto funcional no quesito política. Sim, não me interessava pelo tema.

Porém, como o tempo passa para todos, chega um momento em que devemos ter um posicionamento, opinião ou visão sobre o assunto. Ou, pelo menos, estudar e saber do que se trata. Afinal, estou me formando em Jornalismo e preciso ter a noção do quão importante é a política na sociedade atual. Principalmente nos dias de hoje. Detalhe, não estou nem falando sobre temas como foi golpe ou não foi golpe, esquerda ou direita, comunista ou capitalista, Trump ou Hillary etc.

Mas, voltando ao ditado, podemos discutir, ou melhor, devemos debater, e muito, a política nos dias de hoje. E por isso devemos estar cientes e conscientes de como estamos utilizando um dos maiores direitos constitucionais da nossa nação: o voto.

 

Divulgação/TRE

Foto: TRE

 

Não podemos simplesmente ficar em nossas redes sociais criticando A ou B se nem nos lembramos em quem votamos nas eleições passadas. Temos que estar com o nome do candidato que nos apresentou boas propostas para a nossa cidade – e agora falando exclusivamente de Porto Alegre, que está vivendo um dos piores momentos da sua história em quesitos como segurança, mobilidade urbana e saúde – para cobrar lá na frente o tal candidato que prometeu mundos e fundos e, quando eleito, ficou na sua cadeira e não mexeu uma palha para fazer o que ficou acordado.

Conheça os candidatos! São eles que representarão a cidade nos próximos quatro anos, eles que terão a missão de realizar as melhoras que você, quando votou em um deles, desejava. Pesquise sobre eles – basta 5 minutos na internet que você terá muitas informações sobre qualquer um dos candidatos, é só “googlar” -, conheça a história de sua vida pública e, após isso, tome uma decisão consciente.

Atualmente, vivemos um momento de descrédito, por parte dos cidadãos, na política, e de desconfiança sobre o funcionamento da democracia no nosso país. Porém, só podemos mudar algo através do nosso voto. Somente ele é capaz de definir o curso que o nosso futuro tomará. O pensamento de que “só um voto não fará diferença” é desculpa de quem não quer utilizar com responsabilidade o seu direito. Se todos tivessem a real noção do poder que apenas um voto tem, essa frase jamais teria sido proferida.

Política não é futebol nem religião. Futebol é paixão. Religião é crença. Política afeta o teu dia a dia nas ruas em que tu andas, nos ônibus que precisas para ir ao teu trabalho (ou à procura de um), na escola que teus filhos ou irmãos estudam, no hospital que tu precisas ir quando estás doente e muito mais. Política tem que ser discutida e debatida, sim. Só assim viveremos em um mundo melhor. Faça a sua parte. Vote.

Lida 887 vezes

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Por favor resolva a equação * Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.