Esporte

Muito além da dieta: conheça a nutrição esportiva

Na busca pelo primeiro lugar, a nutrição esportiva tem grande influência no desempenho de atletas profissionais e amadores

Infográfico_Miles

Uma alimentação adequada traz diversos benefícios para a saúde, podendo melhorar a qualidade de vida significativamente. Tem se tornado corriqueiro o cuidado que as pessoas têm desenvolvido com este aspecto, a busca pelo corpo perfeito e uma vida mais saudável são os objetivos de muitos nos dias atuais. Cada vez mais, elas têm optado por uma dieta mais balanceada e nutritiva.

É importante frisar, no entanto, que as mudanças alimentares não devem ser feitas por conta própria, mas sim com o auxílio de um profissional adequado, o nutricionista. É através da análise a respeito do peso, idade e altura que são elaboradas as dietas alimentares, esclarece Lovaine Rodrigues, coordenadora da Especialização em Nutrição Esportiva e Treinamento Físico da Unisinos.

A Nutrição Esportiva busca aliar uma alimentação adequada, que envolva proteínas, fibras, minerais, carboidratos, suplementos e afins às atividades físicas desempenhadas por atletas, sejam eles amadores ou profissionais. Para que seja prescrita uma dieta nutricional a um atleta, é levado em conta o tipo e a intensidade de exercício que é feito, além da frequência com a qual ele treina, afirma Lovaine.

São os nutricionistas especializados nesta área que podem sugerir e prescrever dietas exatas para resolver problemas de saúde, ajudar com ganho de massa muscular, redução de peso e diversas outras alterações que podem se fazer necessárias na correção de distúrbios do metabolismo.

Lucas Ferraz possui nove anos de carreira e é atleta de alto rendimento do atletismo. Ele compete realizando provas de decatlo, uma competição feita em dois dias, onde é realizado um total de dez provas. Ele explica que no primeiro dia acontecem as provas de 100m rasos, salto em distância, arremesso de peso, salto em altura e 400m rasos. Para o segundo dia ficam as competições de 110m com barreiras, lançamento de disco, salto com vara, lançamento de dardo e 1500m rasos.

Ele elucida que os atletas que disputam este tipo de prova são considerados os mais completos da competição, pois ela exige velocidade, técnica, força e resistência extrema. Além disso, ele destaca que tem certeza que uma alimentação que é direcionada e pensada para cada atleta influencia diretamente no resultado que essa pessoa vai ter. Lovaine reforça que um atleta de elite pode ter suas demandas nutricionais muito acima da população em geral e a suplementação certa pode garantir que ele atinja seu potencial genético máximo. Neste caso, pode ajudar a garantir uma medalha, por exemplo.

Referência no mundo do atletismo do alto de seus 41 anos de experiência, José Haroldo Loureiro Gomes, o Arataca, frisa que é muitíssimo importante para um atleta que ele treine bem, coma bem e descanse melhor ainda. Para ele, é essencial que os competidores busquem repor suas necessidades na fruteira, e não através da farmácia.

Lucas é um grande adepto destes alimentos durante a temporada de treinos. “Durante esse período eu foco bastante em comer frutas, verduras… ter uma alimentação equilibrada e saudável.” Ele ainda conta que não modifica muito sua alimentação cotidiana durante o período de provas, mas sim procura ingerir muitos carboidratos um ou dois dias antes da disputa, uma vez que eles são a fonte de energia do corpo. Além disso, ele busca se hidratar muito antes e durante as provas.

Muito democrática, a prova do decatlo acolhe atletas com grande variação de peso e porte físico. “Os atletas mais leves são um pouco melhores em provas de resistência, provas de velocidade e talvez até nos saltos. Existem atletas mais pesados, também dentro do decatlo, que se encaixam melhor nas provas de lançamento, arremesso, as provas que utilizam mais força. Esse perfil de peso é bem variado, não só dentro do decatlo, mas dentro do atletismo também. É um esporte que oferece espaço pra todo mundo, desde o baixinho, magrinho, pequeninho, até uma pessoa que é mais pesada, mais gorda ou mais forte, mais alta… então é bem variado”, ele finaliza.

Lida 1103 vezes

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Por favor resolva a equação * Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.