Economia

Governo antecipa o pagamento do 13º salário e beneficiários já podem contar com este capital

Economista dá dicas de destinos para os proventos, beneficiário conta que fim dará para a parcela do décimo terceiro salário e administrador de empresas aponta possíveis formas de investimento em tempos de crise.

A partir de 24 de setembro, aposentados e pensionistas que recebem benefício do Instituto Nacional de Seguro Social (INSS) poderão retirar a parcela de 50% do 13º salário. A outra metade será liberada normalmente em novembro.
Por falta de recursos, o Ministério da Fazenda havia informado que o adiantamento seria dividido de outra forma: 25% em setembro, 25% em outubro e o restante no mês de novembro, como de costume. A lei prevê o pagamento deste benefício até o último mês do ano, no entanto, o governo federal vinha permitindo o repasse de metade do valor na folha de agosto. O adiantamento de 50% do 13º salário representa um gasto de R$15,8 bilhões aos cofres da Previdência. Com a confirmação do adiantamento do benefício, considerando o momento turbulento da economia, a dúvida de o que fazer com este dinheiro surge entre aposentados e pensionistas.
De acordo com a Coordenadora do Curso de Graduação em Ciências Econômicas da Universidade do Vale dos Sinos (UNISINOS), Gisele Spricigo, o melhor destino para o recurso adquirido, em tempos de crise econômica, é poupar. A coordenadora fala ainda sobre as incertezas para os próximos anos: “Ainda se tem incertezas quanto aos anos de 2015 e 2016 e o ideal é não mobilizar este capital. Deixar ele aplicado em um formato de alta liquidez é a atitude mais recomendada. Não esquecendo que temos uma quantidade considerável de impostos a serem pagos, especialmente no início do ano, como IPTU e IPVA”, finaliza.
Evandro Sidnei Lopes, 40 anos, beneficiário do INSS que recebe auxílio doença, acompanha este pensamento. Pretende quitar algumas contas e guardar o restante do dinheiro para futuras emergências. “Vou usar esse dinheiro para pagar a renovação da minha carteira de habilitação e o restante vou guardar para possíveis emergências e presentes de final de ano”, completa.

A melhor forma de utilização do recurso para beneficiários que contenham dívidas é aproveitar estes proventos para quitar total ou parcialmente este débito, evitando pagar juros cujas taxas estão elevadas, especialmente cartão de crédito e cheque especial. É o que sugere o Mestre em Administração de Empresas pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUCRJ), Paulo Roberto Garcia Franz, que salienta: “Uma alternativa seria quitar parte da dívida e ficar com algum dinheiro e parcelar o restante com taxas de juros menores (como é o caso dos consignados, por exemplo) ”. De acordo com Franz, os beneficiários que tenham a possibilidade de poupar todo ou parte do adiantamento do 13º salário devem fazê-lo, uma vez que as taxas de remuneração das aplicações estão mais atraentes, tornando melhor economizar do que antecipar consumo. As alternativas de aplicação financeira dependem do montante disponível e do tempo dessa disponibilidade.
Outra forma de utilização do recurso que serve como alternativa é o investimento. Segundo Franz, normalmente os economistas de pequenos valores procuram depósitos de poupança – que são isentos de tributos -, mas que no momento, em função da aceleração da inflação, estão rendendo pouco e às vezes não conseguindo repor a desvalorização da moeda. Para isso, existe a alternativa de aplicar em títulos públicos federais por meio do Tesouro Direto que permite aplicar pequenos valores em títulos que rendem próximo a taxa do Sistema Especial de Liquidação e de Custódia (SELIC), descontadas as custas dessas aplicações. O administrador de empresas enfatiza que “é importante sempre a negociação com as instituições financeiras para obter melhores remunerações, utilizando como argumentos o montante a ser aplicado e os prazos da aplicação”, finaliza.

Lida 338 vezes

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Por favor resolva a equação * Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.