Cultura

Escola Fluxo comemora três anos com exposição de alunos

CAPA

Com casa cheia, a Fluxo inaugurou em 29 de novembro a exposição “O Silêncio da Escuta” – composta apenas por trabalhos de alunos e ex-alunos da escola de fotografia de Porto Alegre. A mostra, que fica em cartaz até o dia 22 de dezembro, conta com 80 fotografias e cinco vídeos.

“Estamos muito felizes em poder proporcionar um espaço para que este conhecimento seja visto e reconhecido”, explicam diretores Danilo Christidis, Evelyn Ruhl e Vivian Hunsche Ruhl. Segundo Evelyn, foram enviados mais de 400 trabalhos. “Estamos muito felizes, pois a ideia de realizar uma exposição de alunos já é antiga, mas agora conseguimos concretizá-la”, diz.

1

Para a fotógrafa Eneida Serrano, que participou do lançamento, a escola oferece uma possibilidade de troca de manifestação de processos artísticos. “As imagens, que antes eram a expressão de cada aluno, assumem um valor no conjunto. Elas propõem novos diálogos, celebram a diversidade e as infinitas possibilidades da fotografia”, opina.

O secretário Isaías Ribeiro gostou do que viu. “Fotos que abrem inúmeras possibilidades, tanto de momentos vividos, como de devaneios, sonhos, aspirações. E também atuam como subsídios para tantas coisas boas, no sentido de semear idéias para escrita e artes em geral”, argumenta.

A exposição “O Silêncio da Escuta” segue na Escola Fluxo (Rua João Telles, 291) até 22 de dezembro. A mostra pode ser conferida gratuitamente todos os dias, das 9h às 19h.

2

Texto: Marco Prass

Fotos: Bruna Schuch, Bruna Fraga e Vitória Proença

Lida 907 vezes
  • Publicado em: 21/12/2015

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Por favor resolva a equação * Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.