Geral

Crianças fazem hortas sustentáveis e produzem álcool gel em aula

Atividades têm como objetivo aliar o conteúdo teórico a temas emergentes no cotidiano

Biologia, matemática, física e química representam os maiores pesadelos de muitos estudantes. Os conteúdos podem ser difíceis e maçantes para os jovens, principalmente quando eles não conseguem compreender a aplicação de tais disciplinas no cotidiano. Com o objetivo de implementar assuntos da atualidade na sala de aula, o Colégio Marista Rosário, de Porto Alegre, aplica, em suas disciplinas, atividades práticas.

A partir do cultivo de uma horta urbana, feita com materiais reciclados, como pneus, os alunos das turmas do Nível 3 da Educação Infantil aprendem sobre sustentabilidade e alimentação saudável. No espaço verde, que fica em meio à estrutura da escola, eles participam de todo o processo: desde a plantação até a colheita. Posteriormente, são realizadas oficinas com as crianças, que produzem sanduíches, pizzas e outros alimentos com as hortaliças e frutas que cultivaram, monitorados por nutricionistas.

horta-sustentável-crianças

Alunos do Marista participam de horta sustentável. (Foto: Guilherme Endler)

Outras atividades realizadas na escola tratam ainda de saúde e biologia. A gripe A, por exemplo, um tema bastante atual e importante, é abordada com o intuito de alertar os estudantes de todos os níveis sobre a doença. Reforçando os cuidados necessários para evitar a gripe, as turmas do Ensino Fundamental aprenderam a fazer sabonete líquido e álcool gel nos laboratórios de Ciências, produtos essenciais para evitar a contaminação e propagação de doenças contagiosas. Depois, os alunos levam o produto para casa, para utilizar no cotidiano. Já as turmas do 4º ano analisaram amostras de mosquitos e larvas do mosquito aedes aegypti, no Dia Mundial da Água.

Para o professor do colégio Vanderlei Severo Junior, é importante que os alunos consigam ter uma percepção crítica do comportamento humano a partir dos conteúdos estudados em sala de aula: “Temos como diretriz aliar os conteúdos vistos em sala de aula com temas emergentes, então trazemos dados históricos e epidemiológicos para conscientizar os alunos. Essa abordagem é muito importante para que crianças e jovens façam uma análise crítica, avaliativa e real dos nossos comportamentos como sociedade”.

Jovens produzem álcool gel no laboratório. (Foto: Guilherme Endler)

Jovens produzem álcool gel no laboratório. (Foto: Guilherme Endler)

Lida 852 vezes

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Por favor resolva a equação * Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.